Vício

Postado por Dayanne às 02:15

Os sabonetes estavam enfileiradinhos na prateleira, era aroma para todos os gostos. Um deles me lembrava o seu, que sempre exalava depois de 30 minutos no banho. Seu cabelo liso despenteado era a coisa mais engraçada - e linda - do mundo e eu sempre brincava de fazer aquele moicano que você odiava. Durante a noite, era sempre a mesma coisa; Eu encostava a cabeça no travesseiro, cobria com meu edredom de flores independente do calor e do frio. Você apagava as luzes da casa deixando acesa a do abajur, virava para o canto dizendo "Boa Noite". E murmurava baixinho no meu ouvido "Te amo, durma bem..."

"Senhor, pega aquele mesmo, o de frutas vermelhas" E o cara do supermercado olhou para mim com pena, talvez tenha percebido meu olhar triste. Ou sei lá, só estaria cansado de ficar atendendo todos aqueles clientes mau humorados. "Toma, é 2,80" Eu pagaria qualquer valor só para ter seu cheiro de novo em mim. E também procuraria em todos os outros caras, aquela coisa que só você me fazia sentir. O amor. Torto, cheio de erros, mas era amor. Talvez o mais puro que alguém já sentiu. "Moça, não vai levar o sabonete?" Ele falou um tom acima do normal, impaciente. Talvez estaria repetindo a mesma frase diversas vezes. Enquanto eu, me desligava do mundo só para lembrar de novo da gente.

Quem sabe um dia depois de tanto pensar em você, por um descuido, eu acabo te esquecendo. E um outro alguém surge de repente dali, de onde eu menos espero e tenha outro cheiros, outras músicas, e outro cabelo que goste daquele moicano ridículo que eu insisto em fazer. Talvez esse novo amor me ensine a gostar daquela música do Leone com versos repetidos e letras bonitinhas que você sempre ouvia, e a gente possa curtir aquelas tediosas madrugadas, com músicas altas que os vizinhos odeiam. Talvez esse outro alguém, assim como você, ria das minhas piadas inteligentes. E saiba conversar sobre bandas que só a gente lembra. Esse alguém vai me tirar do tédio, vai me entender mesmo quando eu mesma não consiga fazer isso, e também desligar todas as luzes da nossa casa, deixando acesa do abajur que provavelmente ficaria perto da nossa cama...

"Tem esse pacotinho aqui na promoção com 5 sabonetes moça. É de frutas vermelhas, por 10 reais. Quer levar não?" Dei as costas e saí andando sem dizer nada. Chega! Cansei desse vicio de você.





8 comentários

8 comentários:

K a a h disse...

Noossa que lindo <3

http://pequenamiia.blogspot.com.br/

Dayanne disse...

Muito obrigado Kah :t :T

Maria Eduarda disse...

Eu vi o seu comentário lá no grupo do DDQ e simplesmente me apaixonei agora por esse texto! Parabéns pela sua escrita, é realmente incrível assim como todo o seu blog. Já vou até seguir o blog haha.. Um beijão! <3

http://seusonhomeusonho.blogspot.com.br/

Mariiah Martiins disse...

Muito lindinho amey, desejo vc e a sua família, um lindo dia, Aguardo Sua Visita Em meu Blog
♥http://mariiah-martiins.blogspot.com.br/♥
♥Post Novo Clique aqui♥
Beijinhoos Mary

Laura disse...

Adorei as dicas!!
Já estou seguindo será que poderia retribuir?
http://laura-orth.blogspot.com/

Larissa Souza disse...

Que texto lindo <3 Espero que isso se encaixe na minha vida tb: ''Quem sabe um dia depois de tanto pensar em você, por um descuido, eu acabo te esquecendo. ''
www.blog-cherrie.blogspot.com

Joyce Holanda *_* disse...

Que texto mais liindo, eu amei ! AIi Aii, "Eu pagaria qualquer valor só para ter seu cheiro de novo em mim." Achei essa frase tão fofa :) ♥♥ É incrível como o amor pode fazer as pessoas se sentirem..

http://devaneiosde-umasonhadora.blogspot.com.br/

Marcos disse...

Muito bom!

Postar um comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t

Olá, se você chegou até aqui não deixe de expressar sua opinião sobre o post :) Caso tenha um blog, não esqueça de deixar o link tá? Muito obrigado pela visita e volte sempre :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Sentimento Singelo Copyright © 2012 - Design by Dayanne Cassimiro - Ilustração: Malipi