Sinto tanto

Postado por Dayanne às 14:35

Estou só. Depois de anos, estou só. Estou em nossa casa, agora vazia, mas não de móveis, está vazia de sentimento. Um lugar que costumava estar cheio do nosso amor. Amor que exalava aos ventos. Amor que preenchia cada partezinha desta casa. E agora está vazia. E eu me sinto tão só. Sinto falta das nossas conversas antes de dormir. Sinto falta do teu cheiro, da sua bagunça. Sinto falta até das brigas. Mesmo aquelas que duravam dias e após dias eu já nem lembrava mais o motivo. Das piadas, mesmo que sem graça me faziam rir só pelo modo que as contava. Sinto falta do som da tua risada. Ah aquela risada! Sinto falta de te ver você dormindo. Como era bom te ver tão em paz. Como era bom te ter ao meu lado. Como era bom sentir o teu abraço. Tão aconchegante e reconfortante.

Nunca houve lugar em que eu me sentisse tão segura quanto dentro de um abraço teu. Era meu lugar preferido. Ainda é. Sinto falta dos pequenos detalhes. Esses são os que mais doem por não ter mais. Lembra de quando íamos dormir e você cantava Lullaby da banda Creed pra mim? Lembra das nossas tarde juntos ao som de Guns N' Roses? Às vezes até ouvíamos Scorpions ou Red Hot Chilli Peppers porém Guns N' Roses sempre foi nossa paixão em comum. Não tem como ouvir Don't Cry e não lembrar de você cantando, era como se aquela música fosse nosso hino. Agora te vejo, apenas de longe, e dói tanto. Dói não poder te abraçar e dizer o quanto você faz falta, quanto dói a tua ausência. Que o teu silêncio machuca até o mais profundo de minha alma. Não sei como continuar, como prosseguir sem você. Eras meu porto seguro. E que agora simplesmente não existe mais.

 Estou à deriva. Perdida em uma mar de lágrimas. Lutando desesperadamente para não me afogar em promessas não cumpridas, votos desfeitos e nas boas lembranças. Sim, elas machucam. Na verdade são as que mais doem, pois remetem a uma felicidade que não há mais. A caminhada sem ti não será fácil. Será como viver sem uma parte de mim. Um vazio que parece não ter fim. Que toma conta. Mas aqui estou, tentando de todas as formas permanecer de pé. Buscando não lhe demonstrar o quão devastada estou pela sua ausência. Porque sei que agora dói imensamente, porém um dia irá passar. Só espero que esse "um dia" não demore demais.





2 comentários

2 comentários:

Mariiah Martiins disse...

Lindo texto eu amey, *.* Díario de Uma Menina Mulher Beijos Mariiah

Dayanne disse...

Que bom que gostou e obrigado pelo comentário :t

Postar um comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t

Olá, se você chegou até aqui não deixe de expressar sua opinião sobre o post :) Caso tenha um blog, não esqueça de deixar o link tá? Muito obrigado pela visita e volte sempre :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Sentimento Singelo Copyright © 2012 - Design by Dayanne Cassimiro - Ilustração: Malipi